Como lavar toalhas de banho da forma correta em 5 passos simples

Como lavar toalhas de banho da forma correta em 5 passos simples

Você sabe como lavar toalhas de banho corretamente? Se suas toalhas de banho estão ásperas, ressecadas e não são mais as mesmas de quando você comprou, a resposta é um pouco dura: você não sabe. Isto porque não bastam só sabão em pó e amaciante em uma máquina para que a limpeza ocorra de forma adequada.

É por isso que vamos te ensinar 5 passos para que a lavagem seja eficaz o suficiente para que elas fiquem bem parecidas com aquelas dos hotéis. Afinal, uma toalha macia, limpa e com boa aparência faz bem, não é mesmo? Leia até o final, porque temos um bônus para você!


1 - Atenção redobrada ao modo de lavagem

Como lavar toalhas corretamente

Antes de tudo temos um conselho muito importante. Suas toalhas novas devem ser lavadas logo antes do primeiro uso. Quando ela está exposta na loja sem qualquer proteção, ela toma contato com diversas impurezas e bactérias. Até mesmo resíduos acumulados durante a fabricação podem estar na sua toalha nova. Portanto, sempre siga este passo de higienização.

O sabão em pó pode ser prejudicial às suas toalhas, então dissolva em água antes de colocar na gaveta da máquina.

Quanto à temperatura, o ideal é que a água esteja fria, pois a água quente ajuda a desbotar a cor e diminuir a absorção da toalha.


2 - Lave separado de outras peças

Como lavar toalhas de banho

Resista ao impulso de colocar as toalhas com outros itens de cama e mesa, mesmo que você queira evitar muitas lavagens da máquina. O certo é lavar as toalhas juntas, sempre separando por cor. Nunca lave toalhas escuras com as claras.

3 - Substitua o amaciante por vinagre

Como lavar toalhas de banho

Ao contrário do que muitos imaginam, o amaciante não dá maciez às toalhas. Ele deixa uma camada gordurosa com o tempo de uso. E esta camada vai impermeabilizando a toalha, dando aquela sensação de que não está secando o corpo corretamente. Use vinagre branco de álcool como substituto. Você pode, inclusive, colocá-lo na gaveta do amaciante da máquina de lavar.

O vinagre auxilia na manutenção das cores, limpa as fibras e remove cheiros desagradáveis, que geralmente surgem com a toalha molhada, além de ser muito mais em conta.

4 - Não use ferro de passar

Como lavar toalhas de banho corretamente


O ferro de passar é um dos maiores inimigos das toalhas. Por ser uma fonte excessiva de calor, ao entrar em contato com as fibras da toalha causa danos, como a diminuição de absorção de água. Mesmo que sua toalha seja de alta qualidade, ao ter contato com o ferro ela irá perder a maciez e se tornará áspera. Ao invés de passar com o ferro, antes de dobrá-la você pode apenas desamassar com as mãos. Terá um efeito eficaz e o melhor: sem alterar o tecido da toalha.

5 - Coloque para secar corretamente


Seque sempre à sombra, em um local bem ventilado. Evite ao máximo a exposição das suas toalhas ao sol, pois ele pode danificar as fibras, deixando-as ressecadas e enrugadas. Se você tiver uma secadora em casa, pode usar tranquilamente, com atenção à temperatura. Prefira sempre as temperaturas mais baixas, porque assim você vai manter sua toalha sempre macia.

Dica bônus: como lavar toalhas de banho que já estão muito ressecadas e renová-las


Sim, suas toalhas mais antigas têm jeito! Apenas faça algumas lavagens especiais, para devolver maciez, brilho, desengordurar e até mesmo clarear as suas toalhas de banho. Para que o resultado seja eficaz basta efetuar esta lavagem de 3 a 4 vezes. É importante que a toalha já esteja limpa antes de seguir este passo-a-passo.

  1. Coloque 1 copo americano de álcool para cada 2 litros de água fria em uma bacia. Deixe as toalhas de molho nessa mistura de um dia para o outro. No dia seguinte, retire as toalhas da água e siga o próximo passo.

  2. Troque a água do recipiente, e adicione detergente neutro, pois ele irá ajudar a desengordurar as toalhas. Coloque 50ml para cada toalha. Deixe de molho por cerca de 2 a 3 horas.

  3. Enquanto isso, prepare uma mistura com 500ml de vinagre branco de álcool, com uma colher de sopa de condicionador de cabelo. Esta mistura poderá ser usada em muitas lavagens,e pode ser colocada em algum recipiente antigo de amaciante. Ela será a substituta do amaciante.

  4. Enxague as toalhas e coloque em uma nova água, com a mistura de álcool com condicionador. Deixe por cerca de meia hora e enxague novamente.

  5. Torça as toalhas e coloque-as para secar na sombra. Depois de secas, bata elas no tanque, ou na parede. Este passo irá fazer com que as fibras se abram, e sua toalha fique bem macia.


Temos certeza  de que suas toalhas ficarão como novas seguindo nossas dicas.

E se você não quer perder nenhum conteúdo exclusivo como esse, cadastre-se em nossa newsletter.


5 dicas para escolher o jogo de lençol ideal

5 dicas para escolher o jogo de lençol ideal

Dormir bem depende de diversos fatores, e acredite, um deles é como você escolhe o seu jogo de lençol. Afinal, sua boa noite de sono pode ser atrapalhada se você se sente desconfortável de alguma forma com o tecido, se ele te causa alergia ou se ele esquenta muito. Pensando nisso, nós separamos 5 dicas para que você evite qualquer uma dessas situações desagradáveis. Confira!

1 - Escolha um jogo de lençol com várias peças

Blog Post Img 1.jpg

Geralmente é possível encontrar jogos de lençol que contenham 2 fronhas, 1 lençol de baixo e 1 lençol de cima. Quanto mais peças em um mesmo conjunto melhor, pois você consegue manter o padrão de estilo da decoração do seu quarto com maior facilidade. Há ainda jogos que também contém edredom, colchas e porta travesseiros.

O lençol de baixo, que fica em contato direto com o colchão, pode conter elásticos nas bordas, para que elas não saiam do colchão com facilidade. O lençol de cima é para decoração, e normalmente vem estampado ou bordado. Já a fronha tem a função de proteger os travesseiros, conservando-os por muito mais tempo.

2 - Escolha o jogo de lençol no tamanho correto

Comprar um jogo queen que está na promoção para um colchão de casal pode parecer uma boa ideia. Mas na realidade o caimento não ficará perfeito, com sobras e enrugados. Ninguém quer chegar em casa e perceber que comprou um jogo de lençol um pouco menor do que o colchão. Para evitar esse problema se atente para os tamanhos de lençol a seguir:

0,88m x 1,88m: lençol para cama de solteiro

0,98m x 1,98m: lençol para cama de solteiro king

1,38m x 1,88m: lençol para cama de casal;

1,58m x 198m: lençol tamanho Queen Size;

1,93m x 2,03m: lençol tamanho King Size;

3 - Fique atento ao material do jogo de lençol

Blog Post Img 2.jpg

A composição faz toda a diferença na qualidade do jogo de lençol. Roupas de cama compostas de 100% algodão, ou com a maior porcentagem dele, pelo menos, são as mais indicadas. As fibras naturais possuem um melhor toque, são duráveis e não formam aquelas temidas bolinhas depois de um tempo de uso. Outros tipos de material que contém alguma porcentagem de plástico não são respiráveis, e esquentam muito, o que pode fazer com que você transpire durante a noite. Algodão egípcio, seda, cetim e percal são alguns dos melhores materiais de lençois.

4 - Número de fios do jogo de lençol

Você sabia que a quantidade de fios por polegada do lençol é um fator muito importante na sua escolha? Ele está diretamente ligado à textura do tecido: quanto mais fios, mais macio e durável ele será. Existem lençóis de 300, 400, 600 e até 1000 fios. Escolha a quantidade que mais te agrada, e aproveite uma ótima noite de sono.

blog post imagem 3.png

Se preocupe em encontrar um jogo de lençol que tenha texturas e estampas que combinem com a decoração do seu quarto. A harmonização visual está em cada detalhe, então escolha seu lençol com cuidado e pensando no contraste com os objetos do seu quarto.

Veja alguns estilos de lençol para se inspirar:

Clássico: Geralmente são de cores sólidas e neutras, como branco, creme e outros tons pastéis. Possuem acabamentos elegantes e sofisticados.

Moderno: Possuem estampas com formas geométricas, listras e linhas retas, nas mais variadas cores.

Floral: Esse estilo tem um ar de romance, e as estampas de flores são muito diversas. Podem ter acabamentos em rendas ou guipir.

Anotou todas as dicas? Agora que você já sabe como o jogo de lençol ideal tem que ser, temos certeza que suas noites de sono serão muito melhores!

Para receber mais dicas, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail, inscreva-se em nossa Newsletter:

5 ideias econômicas para decorar a casa no Ano Novo

5 ideias econômicas para decorar a casa no Ano Novo

As festas de final de ano já estão batendo na porta da sua casa. Já dá para imaginar como ficará sua decoração de Ano Novo? Faltando menos de 1 mês para essa data tão aguardada, nós sabemos o quanto é difícil e corrido o planejamento de uma festa tão especial como essa. Ainda mais quando se quer inovar na decoração para surpreender os convidados mesmo gastando pouco. Pensando nisso nós reunimos 4 ideias fáceis, baratas e estilosas para te inspirar a dar a melhor festa de todas. Confira!

1 - Decorar com Balões

Baloes.png

Os balões são itens bem baratos, e que possuem uma diversidade muito grande de formatos, cores e tamanhos. Além de serem itens de decoração versáteis, e que podem ser colocados em qualquer lugar, seja dentro de casa, ou em um ambiente ao ar livre. Quanto às cores, as mais comuns são dourado, prata, branca e até mesmo transparente. Você também pode usar balões de números para formar o ano que está para chegar, e de letras para formar a palavra “Feliz Ano Novo”, ou qualquer outra frase de sua preferência.

Usar gás hélio para encher os balões e deixá-los suspensos no ar, é sem dúvidas uma forma de deixar a decoração de Ano Novo mais leve e descontraída, fugindo do usual, que é deixá-los presos à parede.

2 - Glitter, muito Glitter!

glitter.png

Para quem pensa que glitter é usado só no Carnaval, viemos provar que na decoração do Ano Novo ele também é bem vindo. O glitter dá brilho e glamour a qualquer decoração de festa. Dá para colar esse pó iluminado em qualquer objeto de sua preferência, inclusive na garrafa de champanhe! Você também pode usar papel ou EVA com glitter para escrever “Feliz Ano Novo”, ou ainda recortar formas de estrelas, círculos, entre outras, para incrementar a decoração na parede. O melhor de tudo é que o glitter é um item barato e muito fácil de ser encontrado em qualquer casa de aviamentos ou papelaria.

3 - Aproveite a decoração de Natal

aproveiteadecoracao.png

Usar a mesma decoração de Natal no Ano Novo é uma boa dica para quem quer economizar. Para isso basta um pouco de criatividade para mudar a forma como as decorações serão usadas. Por exemplo, as bolas de árvore de natal douradas ou prateadas podem ser utilizadas na decoração da mesa, ou suspensas no ar por fios de nylon. Os pisca-piscas também podem ser utilizados como luminárias: basta colocá-los em recipientes transparentes que você já tenha em casa. Pronto! Uma decoração de ano novo perfeita sem precisar sair de casa.

4 - Decorações em papel

papel.png

Lanternas, flores, discos, leques e uma infinidade de outros objetos decorativos de papel dão um toque charmoso a qualquer festa. Muitos objetos você consegue fazer em casa, deixando a decoração toda artesanal. As lanternas de papel ficam lindas penduradas em um varal e nylon, por exemplo, mesmo sem receber iluminação.

5 - Não se esqueça do branco

toalha branca.png

A cor branca é tradicional para essa época do ano, e definitivamente não pode ficar fora da sua decoração de Ano Novo. Além de ser uma cor neutra que contrasta com todos os outros itens decorativos que citamos acima, transmite paz e serenidade aos ambientes da casa. E o melhor é que existem muitos itens brancos que você pode usar em cada cômodo. Use uma toalha de mesa nessa cor para o jantar da festa, o que vai facilitar muito na sua composição, afinal o branco combinará com qualquer decoração e louça que você escolher para compor a mesa. E no banheiro você pode colocar toalhas enroladas em um cestinho de palha sobre o gabinete, e tapetes brancos.

Já escolheu qual vai ser sua decoração de ano novo? Lembrando que você pode usar todos estes itens na mesma decoração, porque eles se mesclam com muita facilidade. Esperamos que sua festa da virada seja linda e inesquecível!

Para receber mais dicas, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail, inscreva-se em nossa Newsletter:

Como decorar a mesa para o Natal

Como decorar a mesa para o Natal

Se você será o anfitrião de um grande grupo de pessoas na noite de Natal, ou mesmo que só queira adicionar um toque a mais de decoração na sua mesa de jantar neste feriado, saiba que existem infinitos modos de decoração. Do estilo mais simples ao mais sofisticado, trazemos jeitos fáceis e práticos de arrumar sua mesa de Natal para que você deixe sua festa com muito mais brilho.

Defina o estilo e as cores

O primeiro passo de decoração de qualquer ambiente é sempre decidir qual estilo você irá seguir, e qual paleta de cores irá utilizar. Só para você ter uma ideia, vermelho, verde e dourado são as principais cores que marcam essa época, e por isso pertencem a um estilo mais tradicional. E o melhor é que elas não precisam estar apenas na árvore de Natal ou na mesa da ceia. Vale utilizá-las em peças comuns da nossa casa, como os panos de copa ou na louça

A escolha do estilo é fundamental para que você consiga escolher os demais objetos que irão compor a mesa. Confira alguns dos estilos de mesa de Natal para que você possa se inspirar.

Arrumação rústica:

arrumaçaorustica.png

A mesa de Natal rústica geralmente é de madeira, ou possui elementos feitos com o material. Os tons são neutros e suaves, por isso escolha pratos brancos que combinam e contrastam bem com qualquer outra cor. Utilize pinhas, bolas de decoração natalina, galhos de plantas e velas, como elementos que remetem a temática do Natal.

Mesa natalina tradicional:

mesa natalina tradicional.png

O estilo mais clássico de mesa é a que conta com as cores populares do Natal: verde e vermelho. Existem diversos jeitos de contrastar as duas cores ,como por exemplo, escolher uma toalha de mesa verde e utilizar os objetos da mesa com a cor vermelha, ou vice versa. Você também pode combinar elementos dourados ou prateados com esse tipo de decoração, pois eles dão um charme a mais para a sua arrumação.

Mesa de Natal moderna:

mesa moderna.png

Os tons utilizados neste estilo são mais ousados e fogem do tradicional. Se você quer uma produção nada óbvia e ao mesmo tempo encantadora, aposte nesta arrumação de mesa. Algumas das cores utilizadas nesta decoração são azul, laranja e tons terrosos. Utilize taças de cores diferentes para compor sua mesa. Você pode aproveitar a decoração de sua árvore e disponibilizar algumas bolas decorativas da cor que desejar para enfeitar o centro da mesa.

Escolha uma bela toalha de mesa:

Camesa 8.png

Este é um item que faz toda diferença e deixa a composição muito mais sofisticada. Vale ser uma peça nas cores temáticas do Natal, ou um tom neutro para finalizar com itens decorativos! Vale apostar em aperitivos, velas, taças de vinho e outras peças que combinem com o tema.

Utilize sousplat:

sousplat.png

O sousplat é aquele suporte colocado embaixo do prato, que tem a função de proteger a toalha de mesa de eventuais respingos de comida. Este objeto aparentemente simples dá outro aspecto à arrumação da sua mesa. Ele pode ser feito de diversos materiais, como crochê, tecido, mdf, papel e até mesmo de vidro. Quadrado, redondo ou retangular, com cores sólidas, ou estampados e rendados, têm estilos de sousplat para todos os gostos. Escolha o que mais combina com o estilo de decoração que você deseja, e deixe sua mesa de Natal muito mais elegante!

Capriche nos guardanapos:

GUARDANAPOS.png

As velas são objetos versáteis, que podem ser usadas para decorar diversos ambientes. Além de serem muito significativas para o Natal, e perfeitas em cima da mesa, as velas também podem ser colocadas em diversos recipientes como castiçais, copos, candelabros, e onde mais a sua criatividade desejar.

Você pode acender as velas durante o seu jantar de Natal, tornando a noite muito mais especial e iluminada.

Outro ponto importante é ter peças de enxoval de qualidade e que possam ser usados também na decoração, como os produtos Camesa! Assim, você adquire produtos funcionais mas que podem deixar qualquer cantinho do seu lar muito mais charmoso.

Esperamos que as nossas dicas te ajudem a arrumar uma bela mesa de Natal para que você surpreenda todos os seus convidados!

Para receber mais dicas, promoções e conteúdos exclusivos em seu e-mail, inscreva-se em nossa Newsletter:

 Como incluir os filhos na arrumação da casa

Como incluir os filhos na arrumação da casa

Incentivar os filhos a participarem das tarefas de casa é uma forma fazê-los ter responsabilidade sobre suas coisas e o espaço coletivo desde cedo. Além disso, também ajuda na integração da criança à família, fazendo-a sentir-se importante na rotina do lar. Mas afinal, como incluir os filhos na arrumação da casa?

Pode parecer difícil, porém, é possível, desde que se atribua as tarefas adequadas para cada faixa etária. Além disso, a abordagem no momento de designar a tarefa também faz toda a diferença. Confira abaixo algumas dicas que podem te ajudar:

1. Deixe algumas tarefas mais lúdicas

Quando se trata de crianças, qualquer atividade pode se tornar uma brincadeira. Basta propor da maneira correta, que elas certamente acharão tudo mais divertido.

Uma forma de fazer isso é, no momento de guardar brinquedos ou roupas, utilizar etiquetas com ilustrações para indicar o local de cada item. Você pode ainda fazer analogias para dar um toque de fantasia às atividades. Em vez de sugerir que os carrinhos sejam guardados na caixa, que tal dizer que é hora de colocá-los na garagem?

Outra ideia é fingir que o cesto de roupas sujas é uma cesta de basquete. Assim, seus filhos podem “fazer arremessos”, enquanto organizam as peças que precisam ser lavadas.

2. Adeque às tarefas a cada faixa etária

Isso significa que você não deve superestimar nem subestimar a capacidade da criança. Entre dois e três anos, já é possível pedir que elas guardem seus brinquedos, ainda que elas não saibam exatamente como organizá-los (neste caso, tenha uma caixa específica para isso).

Aos cinco, elas podem arrumar a cama e ajudar a guardar compras de supermercado. Além disso, algumas atividades podem ser feitas pelos filhos com a supervisão dos pais, como tirar o pó de alguns móveis e preparar refeições simples.

Dos seis aos oito anos, já é possível pedir algumas limpezas que envolvam balde com água e pano de chão. Além disso, incentive a higienização de pequenos acidentes que elas possam ter, como entornar algo no chão ou sujar a mesa com restos de comida.

No entanto, é preciso estar atento a um fato: nesta idade, seus filhos podem ter outros interesses, como os jogos eletrônicos, por exemplo. Por isso, fazer com que as tarefas se tornem divertidas pode não ser tão fácil. Pode ser o caso de se pensar em uma pequena mesada, ainda que simbólica, até mesmo para mostrar a eles o valor de seu trabalho.

Entre os nove e doze anos elas podem se dedicar mais a manter a ordem da casa. Assim, é possível que ajudem com a limpeza do carro, tirem o lixo de casa, cuidem de animais de estimação e façam refeições completas!

3. Tudo começa com o exemplo

Se a criança vê os pais tirando o prato da mesa, lavando o que sujou e organizando suas coisas, é mais fácil para que ela reproduza essas atividades. Quanto mais pessoas participarem das tarefas domésticas, mais os filhos perceberão que aquilo tem uma importância coletiva.

O ideal é que a mãe, o pai, meninos e meninas estejam envolvidos nas atividades, de forma justa. A ideia é mostrar que o que cada um faz não é uma simples ajuda. Todos são responsáveis pelo bem-estar da casa, e devem contribuir para sua manutenção.

4.Crie uma rotina

Hábitos com horários definidos contribuem para organização diária. Por isso, mostre que há hora para a limpeza, mas também deixe momentos reservados para a diversão de seus filhos. Afinal, as brincadeiras são necessárias para o desenvolvimento infantil.

Determinar espaços para cada atividade também é importante. Defina o espaço mais adequado para a diversão, mas tenha um espaço para que a criança faça as tarefas da escola, por exemplo. Isso também vai colaborar para um espaço organizado.

5. Estimule o desenvolvimento de consciência com o espaço coletivo

Além de participar das tarefas domésticas, é interessante incentivar que as crianças se sintam responsáveis pela casa, não só no que diz respeito à organização.

Mostre que é importante apagar as luzes quando elas não forem necessárias, economizar água e não desperdiçar comida. Caso elas não alcancem as torneiras ou apagadores, incentive-as a chamar um adulto para ajudá-la nessas tarefas.

Deixe claro que isso colabora não apenas com o bem-estar da casa, mas com todo o ambiente em que vivemos.


Tabela para incluir os filhos na arrumação da casa:

Para simplificar ainda mais nossas dicas, preparamos uma tabela para que você saiba qual tarefa pode designar aos filhos, de acordo com a faixa etária. Fique à vontade para imprimi-la e tê-la sempre por perto, para te ajudar a organizar a rotina semanal.

Camesa---Blogpost-09---Como-incluir-os-filhos-na-arrumação-da-casa---TABELA

*Observação: As idades apresentadas para designar as tarefas acima são referências que levam em conta o desenvolvimento das crianças de forma geral. No entanto, é importante enfatizar que cada uma delas é única, e pode aprender a desempenhar as atividades em ritmos diferentes, de acordo com suas capacidades.

Sinta-se livre para adaptar a tabela acima de acordo com as possibilidades do seu filho ou filha.

E aí, gostou de nossas dicas? Então não deixe de nos acompanhar em nossas redes sociais! Nosso Facebook e Instagram estão sempre cheios de conteúdos interessantes para você.